Construa sua autoridade e venda mais usando a internet.

Aumentar suas vendas e também vender melhor, aumentando o faturamento e reduzindo os custos, é o que todos desejam, seja uma grande empresa ou um empreendedor individual que está começando o seu negócio.

E um dos pontos fundamentais para que boas vendas aconteçam e para que você não fique apenas brigando por preço é construir autoridade, se tornar referência no seu mercado de atuação.

E para isso você não precisa ficar famoso e super conhecido por todos, mas precisa ser RECONHECIDO pelas pessoas certas, aquelas para quem o seu serviço foi desenvolvido, aquelas que PODEM e PRECISAM COMPRAR de você.

Construir AUTORIDADE é gerar confiança no seu trabalho e reduzir objeções e você faz isso demonstrando seu conhecimento e se relacionando com o seu o público.

E por que usar a internet para isso?

Porque é preciso estar presente onde está o seu público e todo mundo usa a internet.

OK não todo mundo!

Mas 58 % dos brasileiros usam, o que dá em torno de 102 milhões de internautas, e é muito provável que o seu público está nesse meio, não é mesmo?

Outro ponto é que as possibilidades de segmentação são gigantes o que torna o CUSTO X BENEFÍCIO dos investimentos muito mais interessantes, além da multiplicação do tempo investido para alcançar um número maior de pessoas.

Você pode montar uma estratégia de visitar várias empresas para oferecer o seu produto, mas quantas você consegue visitar por dia?

E quantas você tem que visitar até identificar as que tem a necessidade de comprar de você naquele momento?

Você pode investir e fazer um anuncio em uma revista especializada, mas será um único contato. E você não consegue identificar quem parou para ler aquele anuncio, para que você possa continuar conversando com essa pessoa. O que é totalmente possível, usando a estratégia certa nas redes sociais.

Essas são algumas das vantagens de se usar a internet, mas explicar as vantagens não é o objetivo principal desse artigo.

O foco aqui é te mostrar COMO VOCÊ PODE usar a internet para vender mais construindo autoridade no seu mercado.

Vamos começar entendendo o nosso público.

COMPORTAMENTO DO CONSUMIDOR

 

autoridade na internet

 

Hoje as pessoas, todos dias:

Acessam pelo menos uma rede social;
√ Fazem buscas no google para encontrar um serviço, produto, fornecedor ou local;
√ Se mantem atualizadas, lendo notícias e atualidades, conteúdos de interesse sobre como fazer, com resolver, também na internet;
√ E acessam pelo menos uma conta de email.

Todos estão acessando a internet o tempo todo, até mesmo quando não deveriam! Como no trânsito e encontros com os amigos e família.

E se cruzarmos as vantagens de segmentação e custo X benefício que coloquei acima com esse comportamento, acredito que não restam dúvidas que esse é um ótimo meio, não é mesmo?

Bom, se você concorda comigo vamos em frente e ver o que você precisa para colocar isso em prática.

                                                   Para saber como está a presença da sua empresa e o que você pode fazer para aproveitar melhor cada um desses pontos de contato CLIQUE AQUI.

FERRAMENTAS PARA CONSTRUIR A AUTORIDADE

construa sua autoridade

Você precisa ter:

Um site com Blog.

O site é o SEU ESPAÇO internet, sua loja, sua escola, seu escritório. É para onde você traz seus potenciais clientes para que te conheçam melhor e onde você apresenta seus serviços.

Se você usar apenas as redes sociais e não ter o teu espaço, você não tem gestão sobre as regras do lugar, é como construir um prédio em cima de um terreno alugado. Em algum momento o dono pode querer ele de volta.

Além disso sem um site, você não vai aparecer nas BUSCAS DO GOOGLE.

Um canal nas redes sociais.

As redes sociais são suas mídias, seus pontos de contato para ATRAIR UM NOVO público que ainda não te conhece.

Conteúdos.

São os teus ANÚNCIOS. É forma como você vai atrair a ATENÇÃO, DESPERTAR o interesse do teu público e DEMONSTRAR teu conhecimento.

A criação de conteúdo é o ponto chave da estratégia para construção de autoridade e também é onde se cometem os principais erros.

Ferramenta de envio de email.

É o meio para manter um relacionamento constante com clientes potenciais, atuais e ex-clientes que podem comprar novamente.

Email hoje é uma das ferramentas que MAIS GERAM conversão em VENDAS, desde que seja usado com estratégia e moderação.

Agora que você já entendeu o papel dessas 4 ferramentas, vamos conhecer a sequência correta para iniciar os trabalhos.

COMO FAZER PARA CONSTRUIR A SUA AUTORIDADE

como construir sua autoridade

Você precisa seguir 5 passos:

 

√ Defina um posicionamento para o seu negócio.

Esse passo, que muitos pulam e esquecem de trabalhar é o mais estratégico, porque é o que direciona o restante do trabalho.

Para saber qual é o seu posicionamento, responda a pergunta: Você é especialista em que?

O posicionamento é tua PROMESSA PRINCIPAL que será reforçada em todos os pontos de contato.

Para construir um posicionamento eu uso o método que define como TRÍADE DA DIFERENCIAÇÃO.

Nele você identifica quais são teus diferenciais, teus pontos fortes, a tua principal entrega para o teu público.

Análise se esta entrega atende o interesse do teu cliente e depois se isso realmente é um diferencial frente ao que os teus concorrentes estão propondo.

No ponto em que esses fatores se cruzam é que está o teu ponto de diferenciação que vai ser o teu posicionamento.

E o principal cuidado na hora de definir um posicionamento, é que ele seja UMA VERDADE na sua entrega e que seja apresentado na linguagem do teu público.

 

√ Desenvolva um site.

Construa o seu espaço na web. Faça ele preferencialmente em wordpress, pois ranqueia melhor no google.

Tenha um blog no site, pois é parte “viva” do seu site, em geral é por meio do blog que chegam seus contatos.

Tenha cuidado no momento de desenvolver os conteúdos, procure falar com o teu cliente demonstrando como você pode ajuda-lo e não fale apenas de você.

 

√ Abra seus canais nas redes sociais.

São várias opções e gerenciar todas dá trabalho. Mas vou repetir o que eu sempre falo para os meus clientes: hoje, se você tiver uma fanpage no facebook já o suficiente para começar.

Mas também e interessante estar no Instagram, pois é a rede que mais cresce atualmente.

E no G+, que praticamente não tem interação, mas postar conteúdos lá ajuda muito a ranquear no google.

E no youtube se você está dispostos a gravar vídeos.

 

√ Desenvolva conteúdos.

Antes de sair criando e todo e qualquer tipo de conteúdo, elabore um MATRIZ DE CONTEÚDOS.

Defina com base no seu posicionamento sobre o que você vai falar.

Ao elaborar a matriz de conteúdo você vai ter um planejamento de conteúdos e uma linha editorial para seguir e não vai ficar desesperado sem saber sobre o que escrever.

Você deve falar sempre e somente de coisas do interesse do seu público, mas que tenha relação direta com o seu produto.

O conteúdo deve acima de tudo ser ÚTIL e RELEVANTE, deve entregar uma pequena vitória para o seu potencial cliente.

Sempre entregue o seu melhor conteúdo e não tenha medo de ensinar, não fique guardando segredos.

Você deve demonstrar como seu serviço pode ser útil, demonstrar como você trabalha e derrubar possíveis objeções que posam ter em relação ao tipo de serviço que você realiza.

Quantos aos formatos você pode produzir artigos, vídeos curtos, dicas, tutoriais, ebooks.

São diversas as possibilidades e variam sempre com o modelo de negócio e o objetivo daquele conteúdo especificamente.

 

√ Distribua o conteúdo

O quinto e último passo é fazer com que o conteúdo chegue até o seu público, usando os mais diferentes canais.

O ideal é você postar o conteúdo no seu site e depois compartilhar nas redes sociais.

Compartilhe primeiro na página das redes sociais da sua empresa e se você estiver iniciando e não tiver muitos seguidores, compartilhe o conteúdo da fanpage na sua página pessoal.

No inicio os amigos e conhecidos vão curtir e compartilhar, mas depois aos poucos os acessos na sua página vão crescendo.

Você pode também compartilhar esse conteúdo em grupos afins dentro do próprio facebook, aumentando assim a audiência.

Envie os conteúdos também para sua lista de email de clientes atuais, contatos e ex-clientes, faça com que eles conheçam mais sobre seus produtos.

É importante que você impulsione os conteúdos no facebook para ampliar a visibilidade, mas faça isso de uma forma que você crie um ativo e faça esse dinheiro virar um investimento e não um gasto.

Existem técnicas e estratégias especificas para disseminar o conteúdo nas redes sociais e usar o email, mas esses serão tópicos para os próximos artigos.

E esse já está ficando muito longo e com o que eu apresentei até aqui você já tem muitas informações para trabalhar e iniciar a construção da sua autoridade e aumentar as vendas e a visibilidade da sua empresa.

Se quiser contar com a nossa ajuda para iniciar da forma certa e acelerar seus resultados, CLIQUE AQUI e descubra como.

Se tiver dúvidas especificas deixe nos comentários que respondo para você.

Quem sabe sua dúvida vira o tema do meu próximo artigo. :)

Se quiser saber mais sobre como desenvolver conteúdo da forma certa ESSE MATERIAL PODE TE AJUDAR.
Um abraço e até mais!

 

Não deixe de conferir AQUI como podemos te ajudar a aumentar suas vendas

 

PLANO DE MARKETING. SUA EMPRESA PRECISA TER UM!

Você acredita que Planejamento é um processo burocrático, que é uma perda de tempo, que só gera um monte de papel, que ninguém lê e muito menos usa?

Talvez muita gente ainda trabalhe dessa forma…

 

Mas a verdade é que TODAS as empresas, de todos os segmentos e de qualquer tamanho ou mercado, devem ter um PLANO DE MARKETING.

 

Especialmente em um momento onde as empresas buscam ECONOMIZAR E  OTIMIZANDO RECURSOS, ter um planejamento é essencial.

 

E te garanto!

Gera economia de tempo e dinheiro!

 

Um Plano de Marketing serve para definir qual o objetivo da empresa, que metas ela quer alcançar.

Serve para ter clareza de onde os recursos devem ser investidos, para que se atinja os resultados esperados.

 

O Plano de Marketing é o DIRECIONADOR DOS ESFORÇOS E RECURSOS da empresa!

 

E você pode elaborar um Plano de forma muito simples!

 

Defina:

* O que você vende?

* Pra quem você quer vender?

* Que problemas você resolve, com o seu produto, para essas pessoas?

* Quem são teus concorrentes?

* No que você é melhor que eles?

* Qual a sua meta de vendas? Para o ano? Por mês?

* O que você pode fazer para que esse público conheça tua empresa e venha até você?

* Que ações você vai fazer para que ele compre o teu produto e você atinja os resultados planejados?

 

Essa é a base para qualquer planejamento.

Depois desdobre em ações, defina datas e responsáveis e faça avaliações e correções mensais!

 

DICA:

O principal erro que as empresas cometem, é definir um monte de ações, que não são implementadas e tiram o foco do que gera resultado!

 

Seja criterioso na definição do que fazer!

 

Se tiver dúvidas especificas sobre como elaborar um Plano de Marketing que traga resultados e ajude a otimizar os recursos da sua empresa, entre em contato que podemos te ajudar!

Um abraço e até mais!

VENDA MAIS! APRENDA A CRIAR UM NOVO CANAL DE COMERCIALIZAÇÃO.

Você precisa aumentar suas vendas e não sabe o que fazer de diferente? Quer multiplicar seus esforços de vendas e ampliar sua área de atuação sem aumentar sua equipe?

 

Vender pela internet é uma realidade e pode ser uma estratégia utilizada por qualquer empresa e não apenas por lojas virtuais, como julgam a maioria das pessoas.

E é sobre os primeiros passos para montar o seu novo ponto comercial que trata essa série de 04 artigos, que traz o passo-a-passo para te orientar nos ajustes ou na Construção a partir do zero da Presença On line da sua empresa.

O resultado será a base para você atrair mais clientes, receber mais pedidos de orçamento, ter mais vendas e um resultado maior.

Você, assim como a grande maioria das empresas, pode pensar mas eu já tenho um site, minha empresa já tem uma fan page, enviamos e-mails para os nossos clientes.

Mas essas ações estão se convertendo em contatos e novos negócios? Se sim, esse artigo realmente não é para você.

Mas se os seus pontos de contatos na web são apenas uma vitrine para fortalecer sua marca e não ajudam a vender mais, esse conteúdo pode te ajudar.

A Construção da Presença Online consiste em 4 passos principais:

  1. Definição de Posicionamento. O momento de você definir como quer ser reconhecido, como vai se diferenciar da concorrência, qual o problema e de que cliente, você vai resolver.

  2. Construção de Canais. Definição de onde estar e de que maneira estar. É a definição de qual vai ser sua estratégia.

  3. Otimização para buscas. Entender como o cliente procura pelo seu produto e otimizar os pontos de contato, para reduzir os investimentos sistemáticos em anúncios.

  4. Construção da Mensagem. Definir que conteúdos e informações você vai entregar e como construir esses conteúdos, para construir sua autoridade e gerar vendas e não apenas likes.

E vem a pergunta: Mas como que essas ações podem me ajudar a vender mais?

Avalie a figura abaixo….

SEO, PRESENÇA ONLINE

 

Pense na sua própria rotina…. Por mais diferente que você possa se sentir, seu comportamento no geral é muito semelhante ao das demais pessoas do mundo atualmente…

Você acessa as suas redes sociais pelo menos uma vez por dia para interagir com os seus amigos, ver alguma coisa engraçada ou até mesmo conhecer a opinião de um grupo ou de uma pessoa sobre algo sério.

Você acessa sua caixa de email no mínimo uma vez por dia, principalmente nas questões relacionadas ao trabalho.

Se você precisa de alguma coisa, qualquer coisa e não sabe onde tem, por exemplo: mecânica, loja de informática, pizza, restaurante tailandês, você procura no Google, ou vai dizer que você nunca procurou nada no Google? Nem para comparar produtos e preços?

E quantas vezes você usa a internet para se manter informado?

Buscar um conteúdo de interesse… provavelmente você segue ao menos um blog ou recebe uma newsletter, certo? Busca por noticias, artigos, receitas de comida, como fazer um jardim em casa, uma horta no apartamento, que remédio tomar, dicas de filmes, exercícios, dietas, games… e a lista não tem fim…

Agora volte e me responda, como Construir uma Presença On line pode te ajudar a vender mais? 

Estar em contato constante com o seu público, estar onde ele está, mostrar o conhecimento que você tem sobre determinado assunto, apresentar seu produto como solução para um problema que ele tem, são estratégias de vendas utilizadas há muito tempo. A questão é como trazer isso para a web e amplificar o seu poder de alcance.

Esses quatro passos irão te orientar e te ajudar a construir sua presença on line, mas essa parte é apenas a preparação do terreno, a construção da base (parte fundamental) para a realização de estratégias mais avançadas e especificas de vendas para todo e qualquer produto ou serviço que você comercializa.

Mas é preciso começar por algum ponto certo?

ETAPA 1 – DEFINIÇÃO DO POSICIONAMENTOVENDA MAIS NA INTERNET MARTINELLI MARKETING DE RESULTADOS

Nesse primeiro artigo você vai definir o posicionamento da sua empresa, a  primeira etapa do processo de construção.

Se posicionar é definir como você quer ser reconhecido, deixar claro qual a sua proposta, que problema você resolve.

Ter um posicionamento claro te ajuda a decidir de forma mais fácil todas as demais ações da sua empresa, estruturar melhor seu portfólio (especialmente o que não incluir nele) e direcionar seus esforços e recursos para o público e ações que te trarão mais resultados.

E para definir o posicionamento você precisa identificar qual a sua promessa principal, o que você faz, e o que faz muito bem.

Esse produto ou serviço interessa para alguém? É importante para que tipo de cliente? Quem faz o mesmo que você? E o que você faz de diferente, melhor que eles?

A conexão desses três pontos define o seu posicionamento.

Mas vamos por partes, vou te apresentar um forma simples de definir o posicionamento em 3 passos.

Papel e caneta na mão? Por que o exercício é prático.

Passo 1 > Escreva o que sua empresa realmente faz.

Vendo Y, presto serviço de W, consultoria XY, treinamento ZZ, conserto X.

E responda:

Que problema dos meus clientes eu resolvo?

No que esse meu produto/ serviço ajuda as pessoas ou outras empresas?

Exemplos:

  • Um curso de inglês, resolve o problema de pessoas que querem viajar ou trabalhar no exterior, elas ajudam as pessoas a aprenderem outro idioma para conseguirem se comunicar nessas ocasiões.

  • Uma empresa de consultoria especializada em processos, pode ajudar as empresas a diminuírem os desperdícios com tempo e suprimentos.

Agora para exercitar e avaliar se as respostas acima funcionam faça o teste do discurso de elevador… se você encontrar um potencial cliente no 10º. andar de um prédio e tem apenas o tempo até o térreo para apresentar o seu negócio, o que falaria?

Só não vale usar Soluções em Mecânica , Soluções em Gestão… tudo o que faz precisa ser uma solução, mas uma solução clara para alguma coisa.

Esse termo é muito usado, mas não diz nada para o público.

Um exemplo que eu gosto muito é de um cliente nosso que possui um mix de consultorias e treinamentos em gestão de processos e  gestão de pessoas, para empresas de médio porte.

A dúvida era como se posicionar de uma forma objetiva, envolvendo as duas competências. O posicionamento ficou:

Baseline Consultoria Empresarial. Elimina desperdícios. Potencializa Resultados.

E o discurso ficou:

Auxiliamos as empresas na eliminação de desperdícios de tempo e recursos, com a capacitação das pessoas e aprimoramento dos processos e da gestão. Tendo como consequência empresas mais lucrativas e competitivas.

IMPORTANTE:

Voltando ao trabalho prático…

Leia a sua promessa e avalie se você realmente entrega isso. Se a promessa é um curso prático, ele precisa ser. Se é um pão macio, fresco e quentinho, ele precisa ser.

O ponto fundamental da promessa é que se cumpra.

Mas quem precisa dessa solução? Quem tem esse problema?

Passo 2 > Definição do cliente – alvo.

Chegamos ao segundo passo, nesse momento você descrever quem é o seu cliente ideal.

Para quem você quer vender?

É pessoa física ou Pessoa Jurídica?

Se for jurídica:  de que porte?  Algum segmento especifico? Alguma localização especifica? Mas lembre-se que quem decide nas empresas são Pessoas (sempre!).

E responda: Que função ocupam? Que idade tem? Homem ou Mulher? Quem influencia na decisão? Como se mantem informados? O que eles realmente esperam do seu produto?

Agora volte para a validação…

Essas pessoas ou empresas, realmente precisam do meu serviço?

O meu produto realmente resolve um problema deles?

Se a resposta for positiva, você já definiu a sua promessa e já identificou para quem fazer.

Mas eu sou o único que ofereço isso?

Passo 3 > Identificação e Análise dos Concorrentes.

Você sabe quem são os teus concorrentes?

O que fazem?

Que valor cobram?

Como se comunicam?

Então faça o seguinte exercício:

Liste os seus concorrentes (os que você conhece).

Agora se o seu negócio for local dê uma volta no seu bairro ou na sua cidade observando se realmente não existem outros concorrentes.

Vá no Google e digite o seu produto/ serviço e verifique quantos outros não aparecem.

Com a lista pronta, escreva ao lado qual a promessa de cada um deles (se tiverem)… O Melhor, O Mais barato, O Melhor atendimento, A entrega mais rápida…. essas são as mais usuais.

Alguma delas é a mesma que você selecionou para a sua empresa? Destaque isso.

Identifique e anote os serviços/ produtos que cada concorrente oferece.

Analise se são os mesmos que a sua empresa.

Algo a mais? Algo a menos? Procure identificar a faixa de preços praticados.

Como descobrir? Ligue, visite, avalie o site, o material que ele distribui.

Na sequência descreva quem é o público que ele atende ou pretende atender.

Ela fala para Homens? Mulheres? Jovens? Idosos? Da região? Do Brasil? Que gostam do que?

Parece muita coisa? Mas você pode fazer isso de forma objetiva com uma tabela em uma folha A4 ou usando o excel.

Conhecer o mínimo da concorrência é importante.

Avalie os concorrentes listados e destaque os que realmente oferecem os mesmos serviços e produtos e para o mesmo público que você. Esses são os teus concorrentes diretos.

Não que você deva desconsiderar o restante, mas esses são os principais, é entre eles e você que seu cliente vai escolher.

O monitoramento deles e a identificação  do que  fazem bem e dos pontos que deixam a desejar pode ser muito útil para definir suas estratégias, mas isso é assunto para o próximo artigo.

Entre os diretos avalie a promessa desses e verifique se alguma é igual a sua. Se não, ótimo! Você tem uma promessa única.

Se a resposta for sim, avalie se você consegue ajustar essa promessa, respeitando a verdade da sua entrega, mas para se diferenciando dos demais.

Última etapa: Validação.

construção de presença

Para finalizar a definição do Posicionamento, pegue suas anotações e questione:

  • Eu realmente consigo entregar isso que estou prometendo?

  • Esse cliente que descrevi tem interesse em comprar meu produto?

  • Entre meus concorrentes, minha promessa é única?

Se a resposta for sim para as três questões. Parabéns! Você definiu seu posicionamento.

Se alguma for não, sugiro retomar o exercício e identificar as lacunas para se diferenciar.

Uma dica é fazer essa ponderação em conjunto com a sua equipe, esse momento de conversa e troca, sempre ajuda.

Bom espero que esse exercício rápido e prático, possa realmente ter te ajudado a  definir o seu posicionamento.

Essa definição é  uma etapa fundamental para trabalhar suas ações de comunicação e vendas, seja na web ou não.

Se quiser receber os demais posts com o passo o passo para construir a sua presença online, continue acompanhando o nosso blog ou deixe seu email que encaminhamos para você.

Se tiver outras dúvidas sobre definição de posicionamento ou construção de presença online, deixe nos comentários que posso abordar nos próximos posts ou então entre em contato pelo formulário que respondo para você.

Até mais!